quinta-feira, janeiro 24, 2008

Palácio Marçal

Tudo nesta vida sobe... e a casa tá subindo... (pra compensar os cabelos que estão caindo rsrs)
segundo andar.. tá certo ainda num tem escada nem dá pra ver de lá de cima, mas já tá indo legal!!

Aí uma foto com a Cé no palácio Marçal... hehe...

Brincadeira é pequenina, mas já é bem grande pro tamanho da familia...

Depois escrevo mais, agora tô meio sem tempo,

Have fun...

See U.

quinta-feira, janeiro 10, 2008

Saudades do meu Pai


Hoje decidi escrever sobre saudades que é essa dor que incomoda no peito é querer tanto estar com alguém aqui do lado...

Querer voltar o relógio e viver novamente um momento, falar alguma coisa com ternura, fazer alguma coisa que queria ter feito ou abraçar muito alguém.

Estou assim hoje, acordei com saudades do meu pai... queria muito dar-lhe um abraço apertado, um beijo no rosto e dizer o quanto eu amo ele.



Cada um tem sua vida e Deus sabe bem o tamanho da cruz que cada um pode carregar, e não estou reclamando do tamanho da minha cruz não, pelo contrário agradeço por ela, mas não posso negar que gostaria demais que meu pai ainda estivesse aqui pra, tenho tantas coisas que queria falar e fazer com ele, acho que ele teria orgulho de minhas vitórias, puxaria minhas orelhas por algumas coisas, me aconselharia... e me daria a mão pra me levantar de meus tombos.

As vezes vejo jovens maltratando os seus, não dão valor pra uma figura que eu gostaria tanto de ter por perto. Se você ainda tem o seu, chegue em casa e faça
o que eu faria, dê um abraço e um beijo nele.

14/11/1994 foi o dia que meu pai se foi, eu tinha 11 anos... Pai esteje com Deus e sinta-se abraçado e beijado por seu filho que te ama.

Com não tenho nenhuma foto abraçando ele, coloquei uma foto nossa (Cé, Nin e eu), pois tenho certeza que cada um de nós gostaríamos muito de estar abraçando
ele agora.
Pai
Fábio Jr
Composição: Fábio Jr.
Pai!
Pode ser que daqui a algum tempo
Haja tempo prá gente ser mais
Muito mais que dois grandes amigos
Pai e filho talvez...
Pai!
Pode ser que daí você sinta
Qualquer coisa entre
Esses vinte ou trinta
Longos anos em busca de paz...
Pai!
Pode crer, eu tô bem
Eu vou indo
Tô tentando, vivendo e pedindo
Com loucura prá você renascer...
Pai!
Eu não faço questão de ser tudo
Só não quero e não vou ficar mudo
Prá falar de amor
Prá você...
Pai!
Senta aqui que o jantar tá na mesa
Fala um pouco tua voz tá tão presa
Nos ensine esse jogo da vida
Onde a vida só paga prá ver...
Pai!
Me perdoa essa insegurança
Que eu não sou mais
Aquela criança
Que um dia morrendo de medo
Nos teus braços você fez segredo
Nos teus passos você foi mais eu...
Pai!
Eu cresci e não houve outro jeito
Quero só recostar no teu peito
Prá pedir prá você ir lá em casa
E brincar de vovô com meu filho
No tapete da sala de estar
Ah! Ah! Ah!...Pai!
Você foi meu herói meu bandido
Hoje é mais
Muito mais que um amigo
Nem você nem ninguém tá sozinho
Você faz parte desse caminho
Que hoje eu sigo em paz
Pai! Paz!...

... Paaaaaaiiiiiii....

quarta-feira, janeiro 02, 2008

E lá vamos nós!

Fazendo o churras da virada, ajeitan-um-punha-di-carne



Foto do Natal





E aí como vai tudo bem?



Passando por aqui em 2008... como passou o final do ano, e aí comeu muito, descansou? Viajou? Curtiu?



Eu passei bem, obrigado por perguntar também... Natal em casa com a família, pernil da Cé, comida da Sá... uma confusãozinha pra variar e estar bem com a família o que é bom demais!!
Fui trabalhar no dia 24, pra variar... ceia foi boa com fortes emoções, almoço melhor ainda, com direito a sorrisos e lágrimas... tudo de bom, comida de primeira e ganhei uns kilos pra perder em 2008...



Depois de um ano corrido, e um final cansativo, tudo que eu queria no ano novo era descansar... aaaahhhh... que delícia, estar entre as pessoas que gostamos é tudo de bom, arrastei o Nino e a Cé ficou de ir (mas não foi) e rumo a Delfim Moreira, estar com meu povo, minha família as pessoas mais queridas desse mundo...



Comidinha de fogão a lenha, churrasco e a bagunça do pessoar de São Paulo, ô burro... que povo bagunceiro, foi danado de gostoso sô...
um punha-di-gente num peda-di-terra... ti-lurdin, sá, didi, kakinho, nana, nino, tio miguel, zé, luciano, ró, miriam, dito da faca, lurdes, lê, tiago, sandro, chico, zinho, tereza, ti-ines, ivan, elias.



Chegamos sábado em Delfim, almoçamos na ti-lurdin, comida do fogão de lenha, coisa boa, fofocas em dia, rumo cidade buscar um garrafão de vinho e passar na casa dos primos todos, um olá pra Ti-ines, sandro, miriam e ivan, morro acima pra ver o tio miguel, e o povo animado daquela casa, a lurdes fez um bolo bom, que detonei meia forma... já combinamos de conhecer o rancho novo do tio no domingo, tudo certo bora de volta pra ti-lurdinha, garrafão de vinho na metade e trololó até as 4 e meia da manhã...



Dia seguinte, muita carne, muita cerveja, duas viagens pra levar um punha-di-gente pro rancho e... ô burro que tarde legal, a nana estava sendo enrolada pelo luciano que está com a casa pronta há um ano e num casa... os primos de São paulo, no meio da bagunça, colocaram o cara na parede e marcaram até a data do casório. (video postado aqui).
Um punha-di-risadas depois e um punha-di-gente bêbada e feliz, voltamos para a ti-lurdinha, prosear até quase 1 da manhã e matar a outra metade do garrafão de vinho.



Dia seguinte, vira-di-ano, um punha-di-carne, churrasqueira improvisada num tanque abandonado, ca-di-cerveja-geladin e os primos de são paulo fazendo a bagunça, lá pelas tantas, descobriu-se que a minerada gostava dum barai, e lá fomos nós tomar uma "roia" da minerada, até o "tio zé" aparecer com sua outra face jogadora de truco, foi uma das pessoas mais engraçadas que já vi jogando truco... foi legal.



A Sá num tava muito boa e fomos descansar o esqueleto porque o dia seguinte voltamos.
A volta foi cheia de lembranças e as lembranças estão aqui carregadas de saudade desse punha-di-gente nesse punha-di-terra, eita coisa boa que é ficar com esse povo, que me faz lembrar como a vida é simples e como a felicidade está nestas coisas simples... vou pedir licença para o Sergio Windt aqui e emprestar a frase do msn dele, a vida é simples, quem complica ela somos nós... é isso aí.



Um 2008 simples e feliz para todos nós, que seja bão demais!




video

Ocorreu um erro neste gadget